Massagem em cachorro: mantenha seu dog mais relaxado e feliz

Massagem em cachorro: mantenha seu dog mais relaxado e feliz

Fazer massagem em cachorro parece um conceito inusitado? Então pense o quanto seu dog gosta quando você esfrega a barriga dele, coça as orelhas e acaricia sua cabeça. Para ele, tudo isso já funciona como uma deliciosa massagem.

Fazer massagem em cachorro faz bem tanto para você quanto para o dog: alguns minutos já ajudam a reduzir a pressão arterial e o estresse tanto para quem dá como para quem recebe.

Descubra como fazer uma boa massagem em cachorro – e seja recompensado com doses extras de amor!

Benefícios da massagem em cachorro

A massagem faz maravilhas para os dogs: ela ajuda a manter os músculos em movimento e melhor condicionados, trazendo mais conforto e qualidade de vida especialmente para animais estressados, ansiosos ou idosos.

Como falamos no início do artigo, fazer massagem em cachorro traz benefícios também para o tutor: estudos mostraram que acariciar um dog pode diminuir a frequência cardíaca e a pressão arterial. Esse toque também fará com que seu corpo libere ocitocina, um hormônio que causa sensações de vínculo e amor.

Mas isso é só o começo – confira a seguir os principais benefícios de transformar a massagem em cachorro em um hábito regular:

  • Auxílio na cura: a massagem pode ser uma terapia de reabilitação para dogs que acabaram de sofrer uma lesão, foram submetidos a uma cirurgia ou se recuperaram de uma doença. Só tenha o cuidado de conversar com o veterinário antes, para que ele possa orientar como fazer movimentos que complementem os resultados do tratamento atual;
  • Melhora das funções corporais: os movimentos da massagem ajudam a ativar a circulação e o fluxo de líquidos linfáticos. Eles também estimulam a respiração profunda do dog, o que é especialmente útil para seus pulmões, rins e fígado. Assim como a alimentação natural, a massagem ajuda a garantir mais longevidade e boa imunidade para o seu cachorro;
  • Ansiedade sob controle: a massagem é uma boa maneira de relaxar a mente e o corpo tensos do seu dog – especialmente em situações de estresse (queima de fogos, presença de estranhos ou ansiedade de separação);
  • Vínculos fortalecidos: criar esse hábito desde os primeiros momentos em que o cachorro chega à casa ajudará a estabelecer um vínculo positivo. Além de caminhadas regulares, a massagem também é uma ótima ferramenta para promover uma relação mais feliz e saudável com seu dog.

Dicas para fazer uma boa massagem em cachorro

Você já viu que a massagem pode trazer inúmeros bons resultados para o seu cachorro – e para você também! Então chegou a hora de colocar em prática.

Siga nossas dicas a seguir e prepara-se para viver uma experiência incrível com seu dog:

Concentração

A massagem é um momento de troca de energia. Se você estiver estressado ou triste, tire alguns minutos para se reequilibrar antes de começar.

Lembre-se também de respirar de forma tranquila e profundamente durante toda a massagem, já que seu dog tende a seguir seu exemplo.

Escolha do lugar

Encontre uma área segura, confortável e sem distrações para a massagem. Coloque o dog no seu colo, use a cama dele, uma almofada ou cobertor grosso para deixá-lo confortável. Desligue a TV, coloque uma música relaxante, uma luz suave e esconda os brinquedos – tudo para garantir um momento relaxante, sem outros estímulos.

Pontos de relaxamento

A grande maioria dos dogs costuma gostar muito de estímulos na região na base da cauda e na parte de trás do pescoço. Capriche nos movimentos nessas partes para ajudar a acalmar o seu cachorro e criar um clima de relaxamento mais profundo – cuidado com pontos que possam estar machucados ou com alergia.

Orelhas também merecem atenção especial

Afague suavemente a cabeça e os ombros do seu dog com as palmas das mãos planas, seguindo linhas longas e retas. Isso aquece os músculos. Como é também o tipo de carinho a que ele está acostumado, a sensação de familiaridade ajuda a acalmá-lo com mais facilidade.

Vá para a parte traseira do cachorro

Faça movimentos circulares, com um pouco mais de pressão, na região peitoral, nas costas nas patas traseiras – evitando pressionar ossos, articulações e a coluna vertebral. Verifique o tempo inteiro se ele está confortável e evite as áreas onde ele costuma ter maior sensibilidade.

Mantenha contato constante

Para uma massagem em cachorro mais eficaz, mantenha sempre pelo menos uma mão sobre seu dog. Isso é tranquilizador para ele e indica que a massagem ainda não terminou.

O fim perfeito de uma boa massagem em cachorro

Cada massagem pode durar de dez a 30 minutos. Tudo depende do que o seu dog precisa e deseja, além do seu tempo livre e disposição no dia a dia.

Deixe que o animal determine a hora de acabar, permitindo que ele se levante em seu próprio tempo.

Ele provavelmente precisará beber um pouco de água, uma pausa no banheiro ou desfrutar de um pote de alimentos frescos e saborosos.

Uma gostosa soneca também pode ser a forma perfeita de concluir esse momento de puro relax e carinho.

O momento de massagem em seu cachorro é importante para ele sentir-se mais relaxado e, também, para aumentar ainda mais a proximidade entre vocês. Outro carinho essencial para ele é receber refeições saudáveis e nutritivas, por isso, vale a pena investir em alimentação natural elaborada por especialistas – como as refeições da ElevenChimps.

Agora você já sabe mais sobre massagem em cachorro, que tal continuar recebendo conteúdo para a qualidade de vida de seu dog? Então clique e assine já nossa newsletter!

Compartilhe